Saúde sem Desinformação

Alimentos perdem antioxidantes quando cozidos? Confira boatos e verdades na internet

No Quadro “Saúde sem Desinformação”, a nutricionista e mestranda do Programa de Pós-graduação de Ciências e Saúde da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Ana Rafaela Pereira, aborda os alimentos ricos em antioxidantes, que podem ser frutas e verduras com grandes concentrações de vitaminas A, C ou E, assim como o betacaroteno, minerais, como o selênio e o zinco, e aminoácidos. Na internet, existem inúmeros boatos que circulam sobre tais alimentos. Confira os principais:

1-Quanto mais antioxidante for o alimento, melhor?

Alimentos que apresentam uma boa função antioxidante, por sua vez, são os mais naturais e minimamente processados, como frutas. Então quando se tem uma alimentação rica em antioxidante, se tem uma alimentação mais saudável.

2 -Antioxidantes curam doenças?

Não, eles não curam, mas auxiliam na prevenção de um modo geral. Na química básica do ensino médio aprendemos que existem ligações que não estão balanceadas, e para isso necessitam se ligar a outros elementos para ficar estável. No nosso corpo acontece isso, porém, os antioxidantes que são uma boa parte dos responsáveis por estabilizar essas ligações “desbalanceadas”, e diminuem assim o risco de até mesmo caso de câncer algumas vezes. Alguns nutrientes em determinadas doses possuem uma função pró-oxidante, ou seja, fará o processo inverso, e nesse casos às vezes é utilizado para tratar a doença e, ou intensificar o efeito do tratamento.

3- Alimentos perdem antioxidantes quando cozidos?

Não por completo, mas sim. Às vezes, até mesmo o fato de colher uma fruta, se o armazenamento dela não for de forma correta, pode apresentar a perca de nutrientes. O indicado é que se for fazer uma preparação cozida, prefira que seja ao vapor, ou reutilizar a água do preparo em outra preparação.

4- Antioxidantes corroboram para uma vida longa?

Eles possuem propriedades benéficas sim, mas como tudo na nutrição é necessário sempre manter um bom equilíbrio, pois um alimento utilizado de maneira errada, pode desencadear outros fatores indesejados.

Escrito por: Marta Alencar

Caso você receba mensagens com informações duvidosas, questione e não compartilhe. Entre em contato conosco por meio do WhatsApp: (86) 99517-9773 ou pelo Instagram @coarnoticias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: