Obra da Transnordestina no Piauí teve apoio do governo estadual? COAMOS

Por Millena Brito, Pedro Ferreira e Wanderson Camêlo

Revisão: Marta Alencar

Onde foi publicado? Kwai

Etiqueta: COAMOS

Um vídeo do ministro Ciro Nogueira (Casa Civil) no Kwai (rede social para criar e compartilhar vídeos curtos), com o título: “Ministro Ciro Nogueira tira a máscara do Governador Wellington Dias” vem repercutindo há vários meses na plataforma. No vídeo, o ministro declara que o ex-governador e candidato ao Senado Federal, Wellington Dias (PT) engana ao falar sobre a obra da Transnordestina no Piauí. O conteúdo chegou a virar notícia no Portal Poder 360.

Meus amigos, minhas amigas, em especial o povo do Estado do Piauí. Hoje vou sair um pouquinho do tom. Ao meu lado tem um vídeo que o governador do Piauí em campanha eleitoral ao lado do seu candidato ao governo passou de todos os limites. O governador do Piauí tem se acostumado a mentir e a tentar enganar o nosso povo, mas agora ele teve a coragem a desfaçatez de ir para frente de uma obra que é a nossa famosa Transnordestina, uma obra tão importante para o desenvolvimento do Piauí do Brasil, para se dizer como se tivesse alguma coisa para apresentar ao povo. O Piauí, governador, o Brasil sabe que essa obra estava paralisada, fruto da incompetência e falta de compromisso de 16 anos de governo do seu partido. Como o senhor tem coragem de vir para frente dessa obra apresentar a sua conclusão para o povo do nosso Estado? Pare com isso, pare de tentar enganar as pessoas. Essa obra é fruto do compromisso e do trabalho do nosso presidente [Jair] Bolsonaro com um competente ministro Tarcísio [de Freitas], que se comprometeu a terminar todas as grandes obras no Brasil, em especial no Nordeste e no nosso amado Piauí..., disse o ministro.

Um vídeo com o mesmo teor da declaração do ministro chegou a ser publicado no canal da TV Piauí no Youtube, no dia 11 de março  de 2022,  com a chamada “Wellington Dias e Rafael Fonteles tentam se apropriar da Transnordestina, obra do Governo Federal”. O conteúdo teve mais de três mil visualizações e fez uma crítica explícita ao ex-governador Wellington Dias. A COAR procurou o vídeo original nas redes sociais de Wellington Dias e Rafael Fonteles, mas não o localizou. Todavia é importante mencionar que há um carrossel com fotos no instagram de Fonteles, abordando a importância da obra, mas sem citar a autoria da transnordestina.

No vídeo original, a COAR destaca que o ex-governador ao lado de Rafael Fonteles, tenta contextualizar que a obra teve início no governo do ex-presidente Lula. No entanto, nenhum dos dois comenta diretamente sobre a participação do governo estadual na realização da obra.

Checamos que  Wellington Dias chegou a participar de encontros para tratar sobre a obra da transnordestina, como na  reunião ordinária do conselho deliberativo da Sudene, realizada no dia 24 de maio de 2019, em Recife (PE). A ata do encontro está disponível no site do governo Federal. Coamos também Wellington Dias esteve em outro encontro  com o  ex-ministro da Infraestrutura para tratar do assunto.

TRANSNORDESTINA

Transnordestina é uma obra do governo federal com a CSN (Companhia Siderúrgica Nacional), foi anunciada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em junho de 2006 com a previsão inicial de R$ 4,5 bilhões em investimentos (cerca de R$ 9,4 bilhões em valores corrigidos pelo IPCA). No entanto, as obras estavam previstas para serem finalizadas em 2010, mas devido a paralisações e suspensão de repasses, atrasaram a conclusão. A construção chegou a ficar parada por anos. Os trabalhos da ferrovia só foram retomados em 2019.

Atualmente, a linha férrea conta com 671 km de superestrutura já construídos. Outros 500 km referentes à infraestrutura foram iniciados. A obra está sendo desenvolvida pela medida provisória (MP) 1065/2021, editada pelo governo federal, que permite a construção de ferrovias pelo novo regime de autorização. 

Referências da COAR:

Agência Brasil

A COAR ressalta que ao receber uma mensagem duvidosa, desconfie e não forneça seus dados antes de ter certeza de que é verdadeira. Qualquer dúvida nos contate pelo WhatsApp, Telegram ou pelo nosso e-mail coarnews@gmail.com ou mesmo pelo Instagram (@coarnoticias).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s