Conteúdos errôneos e manipulados alegam que projeto divulgado por Luciano Huck era voltado à compra de votos no Nordeste

Por Wanderson Camêlo

Etiqueta: Falso (Se faz)

Onde circula?Twitter e YouTube

Trata-se de um vídeo em que aparece o apresentador da TV Globo Luciano Huck. Nele, o artista faz a propaganda do chamado Zap do Bem, onde, através de um número de telefone celular, seria possível fazer doações de R$ 200 para pessoas necessitadas do bairro de Vergel do Lago, em Maceió, Alagoas.

“A ideia é que R$ 200 cheguem à sua conta de celular como crédito, tipo uma carteira digital, para você pagar contas, para você pagar boletos, para você fazer compras no se bairro”.

Um perfil no Twitter replicou, no último dia 21, a gravação destacando o seguinte: “E assim começa o processo de compra de votos no Nordeste […]. De onde vem tanto dinheiro?”. A descrição contém até uma ofensa a Luciano Huck. A publicação, falsa, registra 150 curtidas, 113 compartilhamentos e 41 comentários.

A COAR checou o conteúdo e conseguiu identificar que o vídeo circula desde 2020. Na época, um site, que já se encontra desativado, foi lançado para a divulgação do projeto Zap do Bem, que também não existe mais. Através da plataforma Wayback Machine é possível conferir sites desativados.

O projeto, como explicado por vários meios de comunicação em 2020, foi criado por um grupo de empresários, mas com o único objetivo: ajudar por meio de doações financeiras, pessoas de baixa renda.

Foi possível identificar a publicação do mesmo vídeo há dois anos no YouTube, por exemplo. Em um dos perfis onde o conteúdo é disponibilizado, o autor da publicação dá a entender que o objetivo do artista, ao lançar o projeto, é político. “Luciano Huck lança Zap do Bem em ano eleitoral”, diz a descrição. A postagem obteve 29 mil visualizações, 1000 curtidas e 419 comentários.

Referências da COAR:

Boatos

AFP

A COAR ressalta que ao receber uma mensagem duvidosa, desconfie e não forneça seus dados antes de ter certeza de que é verdadeira. Qualquer dúvida nos contate pelo WhatsApp, Telegram ou pelo nosso e-mail coarnews@gmail.com ou mesmo pelo Instagram (@coarnoticias).

Um comentário em “Conteúdos errôneos e manipulados alegam que projeto divulgado por Luciano Huck era voltado à compra de votos no Nordeste

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s