BOATO: Policiais civis e militares invadiram o Congresso Nacional?

Boatos de anos anteriores circulam com mais frequência na internet do que você pode imaginar. E a COAR de vez em quando se depara com boatos que viralizam em grupos de WhatsApp. O boato (abaixo) é um deles:

Mensagem contraditória

É verdade que em 2017 policiais civis protestaram contra a reforma da Previdência e invadiram o prédio da Câmara e chegaram às imediações do Plenário conforme informações da Agência Câmara de Notícias. Mas no caso da mensagem em questão, o conteúdo é divulgado como se fosse atual e um suposto ataque ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o que não procede com os fatos.

Outros pontos da mensagem que são distorcidos são: A Globo está tentando esconder a todo custo, não procede de forma alguma. E quanto ao Supremo Tribunal Federal do Piauí (STF) que irá quebrar os cofres publico para para atingir o presidente é mais uma falcatrua. O mesmo conteúdo também alerta que os aposentados terão seus salários cortado por um tempo e todos os pensionistas do Brasil, mas isso é mais uma informação falsa.

A COAR alerta que geralmente tais mensagens são divulgadas por grupos de extrema direita, que fazem ataques diretos aos poderes, inclusive o STF. Além disso, é possível observar quanto é boato, pois há muitos erros de ortografia e informações sem qualquer fundamento.

A COAR ressalta que ao receber uma mensagem duvidosa, desconfie e não forneça seus dados antes de ter certeza de que é verdadeira. Qualquer dúvida nos contate pelo nosso WhatsApp (86) 99517-9773 ou pelo Instagram (@coarnoticias).

Escrito por: Marta Alencar